Quatro participantes da sexta edição do Ready to Go – Investindo no futuro da moda – chegaram nas araras da Tete Rezende Unique. O lançamento das coleções inverno 2016 contou com a apresentação do artista performático Rezmorah.

Convite-lancamento-Ready-to-Go (1)

Ana Barros, Lilian Pacce, Rita Cassini, Bárbara Gomide, Amanda Bicalho, Michel Aburachid, Terezinha Santos e Natália MenezesMTP e exposição Praça Liberdade 07-10-14 (88)

Rita Cassini, M. Tee, Ana Barros e Lu Tolentino estrearam no estande coletivo do Sindivest-MG, promotor do concurso, no último Minas Trend, realizado em outubro, e passarão a integrar o mix de grifes da concept store. Apadrinhadas por Tete e Patrícia Rezende, proprietárias da loja, aportam, agora, em um importante ponto comercial, encontrando um espaço nobre para comercializar suas coleções inverno 2016 no varejo.

Rita Cassini e M. Tee obtiveram o primeiro lugar no Ready to Go e dividirão um estande individual (prêmio concedido aos vencedores da promoção), na próxima edição da feira, que será realizada em abril, no Expominas. Com um estilo bem autoral e cool, a primeira escolheu Oscar Niemeyer como inspiração, imprimindo um tom inovador ao tema. O ambiente contemporâneo das obras do arquiteto conduziu as linhas e formas utilizadas na concepção das criações a partir de um olhar experimental.

Já a M. Tee elegeu o kilim como base da coleção, incorporando a tapeçaria para oferecer originalidade às roupas. Os shapes se destacam pelos bordados e formas geométricas inspiradas na técnica. O carro chefe são as t-shirts confortáveis em malha com mix de outros tecidos, mas há espaço para outras peças, como vestidos para o dia a dia.

Ana Barros ficou com o segundo lugar no Ready to Go. A marca, que já figura como uma promessa da moda mineira, apresentou uma coleção voltada para festa – seu estilo autoral privilegia peças exclusivas. Com pegada vanguardista, investiu no cenário gótico de Drácula, de Bram Stroker, para o inverno 2016.  A coleção batizada de Vampiro da Noite adapta o clima vitoriano da época à contemporaneidade.

Outro destaque do concurso, Lu Tolentino, que tem à frente a estilista Luciana Tolentino, explorou peças atemporais, elegantes, cleans, confeccionadas em tecidos nobres, como seda, com modelagens bem trabalhadas. Na cartela de cores, tons fortes e sóbrios, como o bordô, cereja e magenta, contrastam com marinho e azul claro. Os vestidos surgem com detalhes especiais, valorizando o corpo.

Idealizado pelo Sindicato das Indústrias do Vestuário de Minas Gerais (Sindivest-MG) e realizado pelo TS Studio, o objetivo do Ready to Go é identificar, capacitar e divulgar novos talentos com potencial, destacando o trabalho dos jovens designers e suas marcas.

As marcas

Rita Cassini

Estilista: Rita de Cássia

A arquitetura modernista e inspiradora de Oscar Niemeyer foi o alicerce para a construção da coleção inverno 2016 da jovem marca Rita Cassini. O ambiente contemporâneo das obras do arquiteto conduziu as linhas e formas utilizadas na concepção das criações, a partir de um olhar experimental. Numa ação do inconsciente, as peças foram pensadas como quebra-cabeças, possibilitando uma abordagem surrealista.

  1. Tee

Estilista: Amanda Bicalho

A M. Tee tem como base de seu trabalho o kilim e incorpora a tapeçaria para oferecer originalidade às suas roupas. Os shapes da coleção se destacam pelos bordados em linha e formas geométricas inspiradas na técnica. Cores terrosas e quentes contrastam com a leveza dos tons frios.

Ana Barros

Estilista: Ana Barros

Recria-se o cenário do romance gótico Drácula, de Bram Stroker, nesta edição inverno 2016. A coleção O vampiro da Noite segue a estrutura epistolar da obra literária. Os acontecimentos narrados por meio de cartas e diário levaram a estilista a dividir o trabalho em três momentos: mistério, terror e prazer, uma interpretação do princípio, meio e fim. A escolha da cartela de cor (branco, preto, dourado e vermelho) segue uma escala linear, deixando claro a separação desses momentos dentro do romance, desde tecidos mais pesados aos mais fluidos, de modelagens mais clássicas às contemporâneas, e um mix de texturas. A estilista adapta o clima vitoriano da época à contemporaneidade.

Lu Tolentino

Estilista: Luciana Tolentino

Na cartela de cores, tons fortes e sóbrios, como o bordô, cereja e magenta, contrastam com marinho e azul claro. Os vestidos surgem com detalhes, que deixam a roupa moderna e valorizam o corpo. As peças são atemporais, elegantes, cleans, confeccionadas em tecidos nobres, como seda, com modelagens bem trabalhadas.

FOTOS WEBER PÁDUA

@salamandracomunicacao

Anúncios