Os ambientes decorados com mix&match de peças vintage, antigas e contemporâneas está aberto ao público onde foi o “Clube dos Caçadores”, no Mangabeiras, em Belo Horizonte. 

Modernos 01 P_E_1076-0839-EB
Living de Carolina Pinhel e Mariana Andrade

 

Modernos02P_E_1076-0555-EB
Ambiente DMais Design de Juliana Vasconcellos
Modernos03P_E_1076-0851-EB
Espaço feminino de Denise Vilela

A mostra e venda criada em 2014 em São Paulo tem o conceito “de uma simplicidade elegante que encanta e surpreende com sua sofisticação única”, diz Josette Davis, organizadora da feira na capital. “O que vale aqui é o mix&match (mistura e combinação) do novo com o antigo no décor, com muita arte e equilíbrio”, reitera. Criada pela designer de interiores e sua diretora geral Maria di Pace, e pelo jornalista e seu curador Sergio Zobaran, a Modernos tem características muito próprias: ali tudo está à venda desde sua abertura, dos móveis, objetos e arte até o talento dos profissionais que projetam seus espaços; e é sustentável em todos os sentidos, inclusive ao dispensar reformas e construções e privilegiar as produções, reais vitrines da decoração.

Modernos04P_E_1076-0886-EB
Estar e cozinha gourmet de Beatriz Siqueira
Modernos05P_E_1076-0940-EB
Ambiente conceito do Conjunto Moderno da Pampulha de Fabíola Constantino e Graziella Nicolai
Modernos06P_E_1076-1238-EB
Estar e Jantar de Fernando Hermanny e Germana Giannetti
Modernos07P_E_1076-0391-EB
Hall da escada de Paulo Pontes / Leonardo Arruda Pessamilio / Filipe Pederneiras / Thiago Bandeira

Este ano são 20 ambientes, na casa de estilo brutalista com projeto de Marco Antonio de Pádua, assinados pelos seguintes profissionais: Beatriz Siqueira / Denise Vilela / Erika Viana / Estela Netto / Eduarda Corrêa / Flávia Roscoe / Fabíola Constantino e Graziella Nicolai / Germana Giannetti e Fernando Hermanny / Jaqueline Frauches / Juliana Vasconcellos / Lais Albergaria / Laura Santos / Paulo Pontes, Léo Arruda, Tiago Bandeira e Filipe Pederneiras / Luciana Savassi e Marcos de Paula / Maluh Amorim e Márcia Mundim / Manuela Senna / Maria Inês Bahia / Mariana Penido e Carolina Pinhel / Melina Mundim / Willemberg Lobato.

Modernos08P_E_1076-0011-EB
Living Entre Amigos de Melina Mundim
Modernos09P_E_1076-0590-EB
Living do Colecionador de Jaqueline Frauches
Modernos11P_E_1076-0314-EB
Living de Manuela Senna
Modernos12P_E_1076-0201-EB
Ambiente Memória e homenagem ao cinema de Laura Santos

Galeria de arte ou museu ambientado 

“Na verdade, nosso conceito vai muito além: o objetivo é criar uma experiência única onde o visitante/cliente se sinta passeando por uma galeria de arte, uma exposição contemporânea com suas ‘instalações’, ou mesmo um museu todo ambientado, tamanha é a quantidade de conteúdo que se tem para ver, sentir, apreciar e aprender”, continua Josette. Com a vantagem que ali tudo pode ser comprado, incrementando assim, com esta nova proposta, o mercado de decoração e seus lançamentos anuais.

Modernos13P_E_1076-0661-EB
Home Office de Maria Inês Bahia
Modernos14P_E_1076-0512-EB
Quarto Jovem de Laís Albergaria
Modernos15P_E_1076-0434-EB
Quarto do Casal de Eduarda Correa

A segunda Modernos e Eternos BH,  feira-mostra-boutique acontece com a participação dos melhores antiquários, galerias e lojas de mobiliário contemporâneo assinado.

Modernos15P_E_1076-0644-EB
Sala de Jantar de Marcia Mundim e Malu Amorim
Modernos17P_E_1076-0722-EB
Restaurante Gomide na varanda de Estela Netto

As histórias só existem quando são contadas

A Modernos Eternos BH 2017 incorporou toda a mineiridade possível nesse ano do aniversário de 120 anos da cidade através de histórias e referências. Personalidades cedem para a Modernos peças de seu acervo pessoal que contam nossa história, são elas: Ana Amélia Faria, Ângela Gutierrez, Cleide Souza Lima, Leonor Aparecido de Oliveira, Maria Eugênia Coury, Leticia Nelson de Sena, Maria Helena Tozzi, Maria José Capanema, Marta Ramos, Norma Salvador, Priscila Freire e Suzana Souza Lima.

Modrno14P_E_1076-0368-EB
Ambiente PretoXBranco de Willemberg Lobato

BHOOM nos 120 anos de BH

Mais de 60 artistas fizeram homenagem simultânea, anunciando a abertura da feira e respondendo à pergunta “o que é Moderno Eterno em Belo Horizonte?”. Em 19 de junho, uma grande intervenção artística coletiva foi feita em homenagem ao aniversário de BH, e para anunciar a mostra o evento denominado BHOOM reuniu 60 artistas plásticos, grafiteiros e designers para a criação de obras nos tapumes da Praça Sebastião Paes de Almeida, em frente à casa. Tudo foi documentado pela produtora  Tandera Filmes, Heitor Muinhos (Art Moulin) e Ton Nettos Fotografia, que registraram com drones e câmeras especiais esse grande abraço à capital. As obras serão vendidas a preço simbólico, ficando parte da renda para o programa Adote o Verde da Prefeitura, na adoção da praça, para o Museu Mineiro e para cada artista.

#bhoom #bh120anos

 

 

Anúncios